Memórias Helênicas

Em março de 2018, o Museu Oscar Niemeyer recebeu uma vasta coleção do diplomata e colecionador brasileiro, Fausto Godoy, com curadoria de Teixeira Coelho. A exposição “Ásia, a terra, os homens e os deuses”, apresenta ao público 200 peças vindas de diversos países como Japão, índia, China, Butão, Irã, Afeganistão, Myanmar e China.

Diante dessas obras, algumas chamaram-me atenção, em especial um sofá-cama do séc. XIX, oriundo do Vale do Swat, no Paquistão. Disposto no meio da sala expositiva o móvel testemunha a história desse lugar e guarda em si as influências helênicas, levadas pelas tropas de Alexandre, o Grande em 327 a.C durante sua extensa expansão militar e cultural.

O sofá, feito de Madeira Sheesham e couro, rememora em seus entalhes as folhas da ordem coríntia, que prevaleceu na Grécia em meados do século V a. C.

Sofá-cama, Vale do Swat. Madeira Sheesham e couro. Foto: Secretaria do Estado da Cultura do Paraná. Disponível em: http://www.memoria.pr.gov.br/biblioteca/index.php.

      Em frente ao mobiliário, na parede encontram-se duas folhas da porta de um templo aminista do século XIX- XX, também de Madeira Sheesham, da região de Kalach, Paquistão, e reforçam a memória e o sincretismo cultural preservados na região da cordilheira do Hindu Kush. Nas folhas, a figura de um carneiro esculpida rememora à lenda de Alexandre, em sua visita ao templo de Amon, no Egito, onde foi consagrado pelos sacerdotes como encarnação do deus Amon, representado pelos chifres de carneiro.

A exposição conta também com uma estátua de terracota da “Deusa-mãe com coroa de louros” da antiga região de Gandhara, no Paquistão do séc I – II d. C, além disso a mostra abarca 5.000 anos de arte asiática, que revelam durante todo seu percurso as influências de cada civilização durantes séculos. Exibida na sala 5 do museu Oscar Niemeyer, “Ásia, a terra, os homens e os deuses” faz parte do acervo do museu e agrega sua programação por tempo indefinido. Vale sempre a pena uma visita, lembrando que nas quartas o ingresso é gratuito.

Referências
MOSSÉ, Claude. As grandes etapas do mundo. In:  Alexandre O grande. Tradução: SKINNER, Anamaria. São Paulo: Estação Liberdade, 2004.

Museu Oscar Niemeyer. Ásia: a terra, os homens, os deuses. Curadoria e textos de José Teiceira Coelho e Fausto Godoy. Curitiba: MON; Foz do Iguaçu: Itaipu, 2018

  • Mikaely Santos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s